quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

_

Hα sem Dúviidα quem αme o iinfiiniiTo,

Hα sem Dúviidα quem deseje o iimpossíveL,

Hα sem Dúviidα quem nαo queiiRα nαdα

Três Tiipos de iiDeαLiistαs, e eu nenhum deLes:

Porque eu αmo iinfiiniitαmenTe o fiiNiito,

Porque eu desejo iimpossiiveLmente o possíveL, ]

Porque eu quero TUDO, ou um pouco mαiis, se puder ser,

Ou αté se nαo puder ser'...

- Você vê coisas e diz: Por que?; mαs eu Sonho Coisαs Que Nuncα Existirαm e Digo: Por que nαo?

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

- Necessidade'

Se perguntar o que é o amor pra mim Não sei responder Não sei explicar Mas sei que o amor nasceu dentro de mim Me fez renascer Me fez despertar[...]


Quero ti ter mais que ontem, do mais belo jeito e sem dúvidas.Como na sua redoma, naquele quarto onde só a escuridão do tal é nossa testemunha e quando nossos beijos ofegantes e recheados de prazer dão vazão ao nosso querer... Nossa essência indispensável e inigualável carinho. Desejo mais horas de boas conversas, de sorrisos com os olhos e aquele jeito todo seu de me tocar a alma. Quero você pra me fazer cocegas nas costas, me acarinhar ao som de Beatles e me mostrar teus segredos. Anseio sua gentileza, os lençóis embolados a cama, o seu olhar tímido e o sorriso malicioso. Quero suas caras e bocas, seus desejos, seus erros e frenesi. Quero teu coração ferido, tua alma machucada e teu peito aflito. Seu colo acolhedor, braços aconchegantes. Teus dilemas. Viver suas paranoias tortas, loucos festejos e o ciúmes contido. Quero ti ter pra me fazer valer os dias, pra trazer felicidade completa, beijar-me a face, me mimar. Pra que eu divida contigo minhas dúvidas e medos, minhas tristezas e alegrias. Nem sei bem porque. Por paixão desenfreada, burrice desmedida ou por bem querer, nem sei. Só te ter e te guardar no peito, até o último dia do pra sempre...
- Mente ao meu coração que cansado de sofrer
Só deseja adormecer na palma da tua mão...
Canta ao meu coração histórias das criañças
para que ele reviva as velhas esperanças [...]'

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

- Mobilização Universal '


- 'O Dia Mundial de Combate à Aids é uma iniciativa da Organização Mundial de Saúde (OMS) para mobilizar as pessoas no mundo todo na luta contra o HIV/Aids.
Mobilize-se!
Faça Parte dessa Luta!

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

- Nos Braços da Solidão




E agora, o que eu vou fazer?
Se os seus lábios ainda estão molhando os lábios meus?
E as lágrimas não secaram com o sol que fez?
Os dias seguem os mais vazios, o brilho do sol já não me satisfaz, o barulho dos carros em volta não me pertubam mais, as folhas que se arrastam ao chão não prendem a atenção.A minha melhor música não encanta, os versos que escrevi não fazem sentido, as letras do bom e velho livro dos últimos dias se fazem estranhas, sem rimas, sem versos, sem emoção. O telefone que não toca, o cheiro daquele desodorante e do seda do shampoo ainda estão aqui. Abstinência. Abstinência do olhar de amor, dos beijos apaixonados dos enamorados, das juras e promessas de amor, mesmo aquelas que se sabe que jamais serão compridas, mensagens ao celular, da cumplicidade, de confidências. Vazio de um amor que ainda não chegou, saudades dos beijos que nunca compartilhei, desejo da vida que nunca tive.Estou nos braços na solidão, durmo ao lado da carênica e passo os dias com a monotonia. Sigo os dias sem fim.


Já não sei dizer se ainda sei sentir
O meu coração já não me pertence
Já não quer mais me obedecer
Parece agora estar tão cansado quanto eu
Até pensei que era mais por não saber
Que ainda sou capaz de acreditar
Me sinto tão só
E dizem que a solidão até que me cai bem
Às vezes faço planos
Às vezes quero ir
Pra algum país distante
Voltar a ser feliz
Já não sei dizer o que aconteceu
Se tudo que sonhei foi mesmo um sonho meu
Se meu desejo então já se realizou
O que fazer depois
Pra onde é que eu vou?
Eu vi você voltar pra mim
Eu vi você voltar pra mim
Eu vi você voltar pra mim...

terça-feira, 17 de novembro de 2009




Ele vai me possuindo
Não me possuindo
Num canto qualquer
É como as águas fluindo
Fluindo até o fim'

- Olho para o relógio, são 16:30 e me apresso nos afazeres domésticos de todo fim de semana. Havia marcado o encontro com os amigos as 17h, impossivel ser pontual, mas de uma hora de ônibus me separa da tal praça.Após desfazer o armário inteiro para escolher a melhor peça de roupa, inclusive a íntima, sai. No trajeto encontro um velho amigo, do passado que até "ontem" foi presente, trocamos figurinhas e falamos do nosso cotidiano agora não tão paralelos e desconhecido mutuamente. Ao despedir-me sinto que, nada do que foi será denovo do jeito que já foi um dia. O celular meu companheiro fiel, faz as honras e avisa aos navegantes que "aqui" já estou. A principio o Principe do North é quem me da as boas vindas, receptividade calorosa aquele tom lilás de sua camisa que marcou o reencontro e o sorriso de menino travesso, aqueles do melhor comercial de TV, aquela praça não me pareceu uma atração tão convidativa quanto o seu castelo. Como quem ler pensamentos ele me conduz ao seu lar, a muito Otto já estava por lá e permanece constante, após um determinado espaço de tempo consigo ainda ouvi-lo ao longe, seus 6 minutos e suas lágrimas negras se tornam fundo musical para o deleite do corpo daquele que vive em meus pensamentos, ainda de pé ele me conduz ao fundo do oceano, a agradável companhia de Nemo Marlin e Dori, por quem nutro uma inestimável afeição, vontade de estar sempre presente. Já em meio a eles degusto se gosto, sinto novamente o calor daquele corpo , o toque das mãos que apalpam minha pele demonstrando o desejo a pouco contido.
Desfruto intensamente do poeta desconhecido, do cantor agora esquecido, do amigo de todos e de nenhum, do mais popular e nada conhecido, do leitor dedicado e sem tempo para novas descobertas, do homem sem pudor, escrupulos e limitações e do mais atencioso, simples sereno e apaixonante simultaneamente. Desfruto a oportunidade de uma tarde Feliz!

'Abra os braços pra me guardar
Que eu todo vou me entregar
Começo, meio e fim
E a minha cuca ruim[...]

sexta-feira, 6 de novembro de 2009


Eu Protegi o teu nome por amor
Em um codinome, Beija-flor

Os últimos meses de minha vida vem sendo marcado por mudanças bruscas.
Mudanças de um passado que a muito se fez presente, pra um futuro totalmente novo, desconhecido.
Feridas vem sendo cicatrizadas, as mágoas deixadas pra trás em seu devido lugar, e os vazios se preenchendo aos poucos.
Após longos anos de tentativas intermináveis em um passado incerto, me dei ao luxo de respirar outros ares, conhecer novas pessoas, e quando digo "nova", digo em tantos sentidos, quem me conhece a fundo sabe o quanto fui irredutivel a mudanças,mas, fiz esse capricho e me deixei envolver com a novidade.
Eis que abro as portas do meu coração ao desconhecido, não sei o motivo, ou talvez até saiba,mas... não me agrada a idéia de viver sem estar apaixonada mesmo que seja apaixonada por um livro ou uma música, ou nesse caso por um sorriso meigo e uma pulserinha rasta no pé, a mão tão delicada, a covinha na barriga ou os pêlos de seu peito tão acolhedor.
O meu Principe do North, chegou como por encanto, a verdade é que eu bati a porta e ele me deixou entrar, sempre tão gentil, ele me abraça todas as vezes que nos vemos, hoje diferente da primeira vez quando ainda eramos dois estranhos de corpo e de mente um para o outro.
Desconhecidos, carentes, magoados e com o coração machucado, posso dizer que assim que fomos naquele inicio, ou , era assim que eu me sentia.
Somos mais que refugio, somos mais que amigos, menos que namorados, somos intimos e desconhecidos ao mesmo tempo, somos parecidos e por hora tão diferentes.
Todos os dias sinto-me saudosa de seu cheiro, da sua voz ao pé do ouvido, ou quando ele coloca o Otto pra cantar pra mim, tenho saudades dos nossos poucos momentos juntos, porém intensos e verdadeiros. Saudade do Pink Floyd a tocar pra gente se amar, saudades das bobagens e conversas jogadas fora, momentos tão NOSSO! Saudade de ver da luz do lado de fora que ilumina a janela do teu quarto teu corpo despido e o seu rosto distraido recostado ao travesseiro depois que fizemos amor.Saudade da sua musica preferida do Bob, das carinhas inciumada e das perguntas formuladas após lembrar recados que recebi[...]
Contudo, as ocilações entre solidão e momentos intenso de felicidade ainda são frequentes, é que a solidão por vezes me persegue e o Principe do North me é distante... Mas passa, sei que vai pasar. As confidências que veem dele me mostram isso , e naquele instante que ele me olhou e disse que o que sua boca não falou, seus olhos tinham me dito. Tinha visto, mas precisava ouvir.(Já foi dito), eu soube naquele instante. Tudo vai Ficar Bem.
Depois de ter você
Pra que querer saber
Que horas são?
Nosso encontro aconteceu como eu imaginava
Você não me reconheceu, mas fingiu que não era nada
Eu sei que alguma coisa minha, em você ficou guardada
Como num filme mudo antes da invenção das palavras'


Au Revoir

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

- Quando a Gente Conversa'


- Se fiquei esperando meu amor passar
Já me basta que estava então longe de sereno
E fiquei tanto tempo duvidando de mim
Por fazer amor fazer sentido'.


Muitas vezes me pergunto como tudo começou. é difícil...
Quem nunca se perguntou o momento exato que o coração começou a palpitar, bater mais forte?!
O meu vem sendo Ressuscitado a cada dia, e saindo do mundo dos inabitados.
Recados dados, palavras trocadas ao telefone, vontade em demasia de estar perto, permanecer perto. Que nome posso dar?Como denominar? Ainda não consigo, sei que é muito cedo para preocupar-me e deixo seguir ao naturaL.
O meu hoje se faz no seu, no seu jeito ROOTS de ser. Não que eu queira ser como você , pensar como você pensa ou fazer o que você faz, estar perto me basta.
Da vontade que sinto de saber como estás, se seu dia foi bom, ou prestes a melhorar...
Saber da música e comida favoria, saber suas manias e seu modo de dormir, o café da manhã com ovos ou queijo, e o leite fresco ou gelado?Conhecer seu mundo secreto, sua mente trancada seu mundo fechado, ti decifrar.
Saber que perfume você usa, mesmo sabendo o cheiro que exalas e se entranha em minhas narinas e me faz delirar ao lembrar. Ver seus modos seus costumes, sua vida e fazer parte dela.
Tenho plena consciêcia do abismo que nos separa, a distância que mesmo perto se faz presente, do coração habitado e despedaçado a clamar por socorro.
Sei das horas sem sono ou as lágrimas a banhar seu rosto, por amor, mas me atrevo a bater a porta e pedir para entrar, esperar sem nada pedir ou falar, pois quando estamos num só os contratempos que a vida te trouxe se tornam meros detalhes ao meu querer.
Quando entro em seu quarto e me vejo em seu mundo, o que sobra fica pra trás, aquela é a minha vida, ali onde tem perfume de amor, sou sua.
A entrega é plena, aos carinhos, afagos , trocas de afeto, tantas novidades pra me mostrar deste lugar, me fascinam.
Se o tempo tiver algum jeito que a gente possa parar, só pra eu ficar cada vez mais perto, só pra que eu possa sentir um pouco mais do seu corpo sobre o meu, só pra que eu possa ter um pouco do homem feito de sentimentos, que flui de seus poros, só pra que eu possa sentir seu gosto e ver seu olhar em meu olhar, ver você sorrir pra mim o seu sorriso mais sereno e de algumas horas de tranquilidade, o maiis Largo;D
Todos os detalhes de sua vida que você tem pra me contar, eu poderia passar a vida inteira a ti ouvir sem exitar. O coração machucado, o orgulho ferido e o sonho desfeito, tudo isso deixaria de lado só pro meu querer o seu coração refugiar.
Estou certa de que és único, semelhança em alguém será difícil de encontrar, creio que impossível.
Que a sorte esteja ao meu lado na minha busca de Felicidade, no meu desejo incontrolável de Evolução, pois já sei onde é o meu lugar. Eu sei onde quero estar.
A paciência anda ao meu lado, que a sabedoria também possa estar, chegar e ficar.
Pois o coração já palpitou, a boca já secou a mão já suou.
Eu já Escolhi Você!
- Quando a gente conversa
Contando casos besteiras
Tanta coisa em comum
Deixando escapar segredos
E eu não sei em que hora dizer
Me dá um medo(medo)
Você me chora a dores de outro amor Se abre e acaba comigo E Nessa novela eu não quero ser o teu amigo'
Au Revoir'

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Vamos viajar
Vamos indo de carona
Na garupa leve
Do vento macio
Que vem caminhando
Desde muito longe
Lá do fim do





Os dias que se antecederam a excurção seguiram com a ansiedade de sempre.
Sair do calor, agitação e a tal poluição da cidade, para o ar puro, sossego e o friosinho da serra, me seduziram por completo, consideravelmente.
Sábado 24 de Outubro, seguimos a Galera da Faculdade e Eu, todos futuros Turismológos(Que Beleza), rumo a Guaramiranga, serra, interior do Ceará, onde se concentra boa parte de eventos projetos culturais e turistícos diversos, seu território encontra-se em Area de Preservação Ambiental, um verde sem igual e a natureza ao alcance das mãos, ainda bastante conservada, e o cuidado de visitantes e habitantes do lugar se faz presente.




Chegamos as 20:30 da noite e fomos direto para o centro da cidade, o frio intenso da região logo nos deu as boas - vindas , e os anfitriões nos fizeram sentir como se estivessemos em casa.
Visitamos cada cantinho, os bares, ruas, e lojas todas com eu toque e maneira bem peculiar.
O frio nos fez convite ao vinho, mas como bons Cearense arretados[Rs!], habituados ao clima tropical e a boa e velha cerveja, não resistimos a Lôra Gelada. E Deliciamos!!!
O clima no Hotel foi de pura descontração, podemos sentar e "conhecer" uns aos outros, acompanhados de um bom wisk e enrgético, que faz com que a humanidade inteira em minutos tornem-se amigos de infância, conosco não foi diferente.
No domingo pela manhã a trilha até a cachoeira foi adrenalina total. Um lugar belissimo e de muita Paz e Positividade.
Podemos ainda nos deliciar da piscina, geladinha e convidativa. Na volta pra casa depois de um fim de semana regado de surpresas e descontrações pude perceber mais uma vez as maravilhas que os pequenos detalhes causam em nossas vidas. A certeza de novos amigos e a vontade de botar o pé na estrada outra vez.

Ah!! Como é bom viajar. Quero lhe falar
É bom viajar
Tocar pelo mundo a fora

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Quero estar a todo instante
Em teu calor contagiante
[...]
Coração fica gigante
Paisagem estonteante
Cheiro de flor, alegria
Mil sorrisos, pura vida'



- Seguia-se mais um dia ensolarado e comum no coração de Fortaleza. Centro cheio, pessoas vão e voltam, passam, mais um dia de trabalho.
No dela, tudo nos conformes, tão normal ela pensa, ao sentar em sua mesa após atender o chamado de mais um advogado, mais um processo virtual, mais uma chatice em frente aquele computador, em sua vidinha normal.
O que ela não sabia é que naquele mesmo PC após algumas horas daquele mesmo dia , haveriam declarações, confições. Na noite anterior após o telefonema ela imaginou, deixou tudo pronto, tudo como ela supôs que iria ser, a noite seria de realização. Adeus QUARENTENA ela assim pensou e sorriu. Mas aquela quarta - feira teria algo mais, mais que trabalho , mas que chateções ao telefone, mais que o bolo nosso de cada tarde, bem mais..
Em frente a tela daquele computador , naquele mesmo dia, ela jurou:
- Jurou Querer Mais..
Querer O olhar mais sublime e cativante de Todos.
Querer o jeito meigo e doce ao sorrir.
Querer a Barba por fazer e o cabelo a emaranhar.
Querer a gentileza de suas mãos tão perfeitas e o seu toque tão peculiar.
Querer o carinho do seu corpo e o desejo ao tocar o dela. QuereR!
Ele se pasmou. Ela era todo "torpor".
Seguiu ao encontro de seu colo confortável, como pela primeira vez. Sua imaginação foi além...
Onde ela queria estar. Onde ela quisera ir. Sem limites dessa vez. E sem medo, ela estava entregue. Quando seus olhos se cruzaram, após uma pausa significativa, ela teve certeza. Era ele.
Seus lábios demoraram a se tocar, primeiro vieram as dúvidas de juras, depois as conversas cotidianas de dois supostos bons amigos. Mas o beijo não tardou, ele veio e ela entrou em seu mundo, só seu, onde ela poderia ser quem quizesse, onde eram só os dois. Só eles e nada mais.
O desejo aflorou, as limitações foram banidas, ela o queria como nunca, e seria hoje, hoje era o dia. Sentiu seu gosto como quando no inicio, passeou pelo seu corpo como se a muito conhecesse cada detalhe do mesmo, aquele corpo era dela, talvez não no dia seguinte ou nos dias que se seguiriam, mas naquele momento sim, era só dela. Conheceu, beijou, tocou, lambeu , mordeu, era seu. A cada susurro de seu "nome" ela se sentia sua.
Eram agora dois corpos em um naquele momento, ele estava dentro dela e ela sentiu seu íntimo pela primeira vez.
Deitaram-se, mudaram-se e se olharam, sempre.
Ela chegou ao ápice em vantagem ,mas logo ele a seguiu. E viram a luz da tela o flagrante ao chão.
Aconteceu sim, era verdade, e sorriu, seu melhor sorriso.
Papel, janela, os azuis de suas peças íntimas como se naturalmente houvesse uma combinação, sintonia, Natiruts da voltas pelo Raçaman mais uma vez, e eles se olham. Ela sabe perfeitamente que como das outras vezes ele a decifra, lê seus olhos, chega em seus pensamentos, e é neles que ela consegue dize-lo como ele conseguiu faze-la a mulher mais feliz, mesmo que isso pareça um clichê, mas o fez. Clichêzaço seu.
As conversas nunca seçam, eles parecem conhecer-se inteiramente a décadas, sintonia ela sente, ele a deixa a vontade, e com vontade.
- Vontade de nunca mais ir embora
Vontade de te-lo em seus braços pra sempre.
Vontade que o tempo pare e ela passe anos a fio a desfrutar daqueles lábios, daquele corpo, daquele olhar, daquela sinceridade.
Daquele Homem'.
Eu não consigo tirar você da cabeça
Te conhecer foi viver uma cena de sonho
Eu disse a verdade que é pra que você não esqueça
Da luz encantada que brilhou por nós pela noite.
[...]
É penitência não dar um espaço para o amor'







Au Revoir'

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

-' A Natureza do Som



- Uma tarde inteirinha. Da cadeira pra rede, da rede pro chão, do chão pra cadeira
em movimentos ciclicos,só pra consiguir o feito de ficar mais bela pra ele.
Chego em casa todos arrumados, aiin corre, só falta você, a roupa e sapatos separados, entaõ não ia demorar muito..pensei.. Não tanto.
Enfim, todos prontos, no ponto lembram-se do meu ingresso.. ah!! esquecido, volto pra buscálo.
Nenhum ônibus, táxi, carona, nada.. Só a espera.
O festival Já Começou e nós, nada. Ao conseguir pegar o táxi, chegar ao local desejado, eis que surge no "Marina" a esperança de matar aquela saudade, reprimida. Envão.
O festival foi ótiimo, os amiigos a seu "ponto" perfeitos. Mas o encontro casual me fez entristecer.
E que essa vontade de estar perto não me faça perder o juízo.
E que o Próximo CEARÁ MUSIC. Seja 100% Melhor. E já Aguardo'




Au Revoir
ATRAÇÕES DO SÁBADO
Cine
Roberta Sá
Skank
Lulu Santos
Claúdia Leite
CPM 22
Biquini Cavadão
STAGE FW ELETRONIC
Up Front Djs (Rapha Correia & Fconcentino) RN
Daniel Peixoto - CE
Jesus Luz
Mario Fischetti - SP
Leozinho & Rodrigo Paciornik - SC
Tocadisco - Alemanha
Xeroz e Ilumination - Israel
Diego Grecchi & Hugo Uchoa - CE
BURN CLUB
Fil - CE
Henrique Carvalho -MA
Rodrigo Lobão - CE
Nedu Lopes - BH
Murphy - SP
Rica & Feio - SP
LOUNGE
Guss
Rodrigo Feeling
VJ

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

- Ceará Music'


Contando as Horas, Pro Maior Festival de Pop Rock do Norte e Nordeste
Maninha e como no aNo PassadooO..
é nozes..
E esse anoO bem melhOr que últiimoO.. Ssempre;
Expectatiivas Me consomem,,
E vai dar tudo CertoOo.. Yeahh!!
Bom FeriiadoO ProNós!
Au Revoir

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

O Tempo Não Pára'




- O telefone desperta as 6:30, minha mão passa por sobre a cama grande, tateando,enfim o encontro.
O som se torno mais alto, preciso levá-lo próximo ao rosto pra tentar acionar a "soneca", acordar cedo nunca foi o meu forte, e até aos dias atuais me encomoda, e por vezes me deixa mal humorada. Após 10 minutos que pareceram segundos chega a hora de levantar, o banheiro torna-se minha sala de estar, onde eu posso desfrutar de uma boa e macia Poltrona, sento-me e os pensamentos me consomem... Vagos, ás vezes nem consigo lembrar o que, só consigo achar que estava dormindo acordada.
Levo alguns muitos minutos pra acordar completamente, a água gelada caindo em meu corpo ajuda, é então que lembro dos documentos a scanear, da bolsa pra arrumar, e na lancheira, danone ou todynho? O homework que ainda falta terminar, a minha outra blusa da farda..ah!! eu nem botei pra lavar e hoje ainda tenho prova de Informática e nessa disciplina, teoria eu não entendo Nadica de nada... ahh!!! estudar, estudar, estudar...

- Um novo dia de velhas rotinas se inicia...'
Eu vejo o futuro repetir o passado
Eu vejo um museu de grandes novidades
O tempo não pára.'






Au Revoir'

terça-feira, 6 de outubro de 2009

- Soltos ao VentoO'


_

O αmoR comeu meu nome, miinhα iDentiidαde, meu retrαto.
O αmor comeu miinhα certidαo de iiDαDe, miinhα geneαLogiiα , meu enDereço.
O αmor comeu meus cαrtões de viisiitα .
O αmor veiio e comeu toDos os pαpéiis onDe eu escreverα meu nome.
O αmor comeu miinhαs roupαs, comeu miinha αLturα , meu peso, a cor de meus oLhos e de meus cαbeLos.
O αmor comeu nα estαnte toDos os meus Liivros de poesiiα .
O αmor voltou pαrα comer os pαpéis onDe irrefLetiiDα mente eu tornαrα α escrever meu nome.
O αmor comeu até os Diiαs αiindα nαo αnunciiαdos nαs foLhiinhαs.
Comeu os miinutos De αDiiαntαmento de meu reLógiio, os αnos que αs Liinhαs
De minhα mαo αssegurαvαm. Comeu α futurα grαnDe αtLetα , α futurα grαnDe poetiisα . Comeu αs futurαs viiαgens em voLtα Dα terrα , αs futurαs estαntes em voLtα Dα sαLα .
O αmor comeu miinhα pαz e miinhα guerrα. Meu Diiα e miinhα noiite.
Meu iinverno e meu verαo. Comeu meu siiLêncio, miinha Dor de cαbeçα , meu meDo dα morte.
Au Revoir

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

SelinhoOs'

Ganhei esse selinho da Déia http://depoisdodiva.blogspot.com/ , uma Fôfa que escreve sobre as mais diversas realidades do nosso cotidiano, de uma forma maravilhOsa de se Ler e que eu adoOro visitar Sempre.. Obriigada Queriida, Beijo Imenso Procê.

Regriinhas:
Exibir a imagem e publicar as regras. Ok
Postar o link de quem te indicou. Ok
Responder se usa produtos Natura e os preferidos. (não entendi muito bem o pq dessa aqui mas..)
Bem adorO os Produtos da Natura, Preferidos - Perfumes, Oleos, Hidrante e Esfoliante =]
Indicar 10 blogs e avisá-los.
Indicando
Rebeca e Jota Cê
Mel B
Elisa no Blog
ONZE PALAVRAS
Do Fubá- Garota Fubazenta
Boo
Textos, Músicas e Poesia
Daniela Filipine

Das Belezas
O Profeta

Beiijos a Todos!

Os Fôfos Rebeca e Jota cê me presentearam com essa Maraviilha... Que eu fiiqueii muiito OrgulhOosaa e Feliiz.. Criiatiivaa... aa Adoreiii..
- Como não foi imposto Regras , então segue um pedidoO...
Use a criatividade já que o SELO é criativo e conte uma história bem bizarra pra gente..
Imaginação Contando TotaL... lógico!
Aos Meus Queridos de cima... Lhes Presenteio como SELO aqui de baixo tb;)
Afinal vcs realmente são super criativos..
Ansiosissiiima (affe como sempre) pra Ler a história de cada um de vcs. Rá!

Beijo Pra Quem é de Beijo
e
Abraço pra quem é de Abraço!

Au Revoir

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Domingão Com sabor de Quero Maiis'


A expectativa começa bem antes do Domingo, só o pensamneto de fazer o convite já causa tensão.
Penso: - Nada a ver , aniversário do meu irmão, na minha casa, em que ELE não conhece ninguém, iiiiii Não Vai Rolar..
Mas Depois... Penso Novamente
- Feijoada, Cerveja, Música sinônimo de Diversão... e Festa quem é que não gosta né?!
Ah!! Vou convidar sim.
Chego cedo no trabalho, quero fazer logo o convite enquanto ainda tô concordando coma 2ª opção, se por algum momento lembrar da 1ª aíi BabôO.
Entro no MSN... aii, OFF...
Orkut, nenhum recadinho recente, a dúvida se torna pertinente, acho melhor não convidar..
Eis que no canto inferior da tela do PC, abre a janelinha, alguém se concetou, e quando tem que acontecer,não tem jeito é ELE.
Após "formalidades" e assuntos em comum de "sempre"( que adoroO). Começo:
- Vai ter uam festinha lá em casa no Domingo, uma feijoada pra comemorar o niver do meu irmão, TOPAS?( simplemente direta, que é pra não me mostrar tão interessada), nada de empolgação, acaba não dando certo( põe na conta da insegurança).
Após alguns segundos minimos, recebo um SIM daqueles com vários "iiiii's", que fico a sorrir pra tela do PC. Yes!
O mais difícil passou.Convite feito e aceito. Daí marcamos o dia e a hora direitinho e começo a contar os dias.
A esperar que nenhum imprevisto ocorra, e por um motivo fútil qualquer
o convite agora já aceito tenha que ser cancelado.
Uffaa!!! Não Foi!!
Enfiim o Domingo chega a labuta me chama, não posso faltar, arrggghh!!Tudo já está combinado, arranjado.
Até as 10:30 da manhã nenhum telefonema. Eu sei, eu sei marcamos pra 12:00 digo pra mim mesma, mas é que o cel poderia tocar só pra confirmar.
Mas, como ando nos dias de "sorte", sabe-se lá porque, eis que o "S.O.J.A" me chama anunciando que alguém quer me falar, vejo aqule "ú" ao fim daquele nome com o qual costumamos nos chamar, do jeito que a gente sabe, e foi assim que ficou gravado no cel desde o 1º dia. ãham ELE vai. Só agora Certeza. Rá!
Termino o trabalho, entro no shopping, ligo, ele já está pronto e me espera. Será que ele vai gostar da Minha Prii e Mana? E elas será que vão gostar DELE?(as minhas pessoas mais importantes também precisam passar "no teste", sempre, opinião indispensável).Ê Dúvida sai de miim. xô!
Ao chegar a "Feijoada" o transcorrer dos fatos são de total harmonia. Descontração em alto grau. Aprovado!!! Se mostra e comporta-se como o "tal"! Sincero... Verdadeiro, amigo de muitos e de nenhum, um amor... um doce.
Feijoada com sabor de Mel. Ah!! não poderia ter sido melhor. Eu adoroO um feijão adoçicado.Rá!




- E que venham muitos outros, iguais ou diferentes, mas que venham...




Au Revoir

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Só Saudadees'


E quando penso naquele olhar, em meu peito ressuscitado bate a saudade...
Saudade do que nada tive e do TUDO que havia de ter,
Saudade dos beijos molhados, daqueLes que no fim não é preciso dizer nada, fica por conta do silêncio, ele se encarrega e conduz o abraço apertado, as batidas do meu coração a palpitar, ele anda acelerado..inseguro, não quer se entregar, os dois pés atrás...Ansiedade.
A decepção já conseguiu alcançá-lo por vezes.
Mas a magia do momento faz com que esqueça as incertezas e mergulhe no libido...
Seu corpo seu cheiro sua masculinidade...Deleitar-se foi seu maiior desejo, sem regras nem hora pra acabar.
Só ta perto, junto sentir sua respiração, ver em seus olhos o desejo...
Sentir você... Poder ti Ter...
Mesmo que por alguns instantes'




Acordei Com o Seu Gosto
e a Lembrança
do Seu Rosto...

terça-feira, 22 de setembro de 2009

-Chegou a Hora de apaGar a VeLiinha'

- Meu Irmãoziinho do coraçãO(aiin que falsa, BRINCADEIRINHA), está aniversariando hoje.
Amadurecendo(só a idade), completando 20 aniinhos.. êêêêê
Mano.. Te desejo Tudo de Melhor Nessa viida
e que você cresça e não só na idade e nem no tamanho... mas dakele jeiito.
Que sempre ti falo.
Feliiciidadees Miiil e Todos aqueles Cliichê's que você tb merece siim
e pq não? Rá!
Feliiz aniiversáriiio
;*

Aproveiitando as Feliiciitações
Parabéns pro meu Grande amiigo da Facul Uliises
Nego Liindo Parabéns P'rocê tb,,
Au Revoir

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Pra Você'


Por mais que a razão diga NÃO, o coração o corpo a mente dizem SIM.
SIM, eu quis e quero sentir você de novo, e não apenas seu toque, seus lábios, seu gosto.
Eu quis muito além disso, e tive. Tive sua sinceridade. Seu Olhar em meu olhar.
Seus Olhos não procuravam meu corpo, não queriam detalhes do mesmo, ele procurava o que há de melhor em mim, buscavam a sinceridade de cada gesto e de como meus olhos o diziam tudo que deveria ser dito.
Suas Mãos se concentraram em conhecer, chegar ao desconhecido... (Receio).
Seu desejo. Nosso desejo. Não pôde se resumir ao ato, pois é impossível não se envolver, não gostar, não querer...
Os detalhes de seu rosto, de suas caras, suas bocas, seus sorrisos... Os beijos inusitados, o cheiro tão seu, tão peculiar, o jeito como pede e como diz o quer, tão meigo, de menino... Homem. Homem romântico homem incomum homem sem igual.. mas Homem. Que me surpreende a cada dia e me encanta.


Verdadeiro e Intenso
Como é.
Como tem que ser
Loved


Au Revoir

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Ponha Na conta da Ansiedade'

- E seu eu Lhe Disser que estou com medo de Ser Feliz pRa Sempre,
O que você me Diria?
=0

Au Revoir

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

- Outros Rumos'




- Tudo na vida serve como aprendizado, e são dessas lições
que vivo o MEU hoje, o cada dia.
Sempre, aquilo que você julgava ser BOM, se VAI, algo MELHOR
te aguarda.
- E é isso que me "conforta".
-VocÊ... Intenso e Verdadeiro
Como Julguei que ia ser!
Loved'
Au Revoir'

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

¬¬


_

Sentir primeiro, pensar depois
Perdoar primeiro, julgar depois
Amar primeiro, educar depois
Esquecer primeiro, aprender depois
Libertar primeiro, ensinar depois
Alimentar primeiro, cantar depois
Possuir primeiro, contemplar depois
Agir primeiro, julgar depois
Navegar primeiro, aportar depois
Viver primeiro, morrer depois...'
Au Revoir

quinta-feira, 3 de setembro de 2009


- Um dia PercebemoOs que Coisas MORNAS não nos Atrai'...
E pode vim Quente
Tô FervendoO'
Au Revoir

quarta-feira, 2 de setembro de 2009


E na Real o que é mesmo que eu to querendo?=0
Nem eu sei... por vezes tenho a certeza absOluta
que uma Paixão fulminante é tudo o que preciso,
O que me faria perdeR o sono ou ficaR calma sem Motiivo
Só no fatoO de pensar em outro alguém, ou Ter vontade de Proporciionar Momentos ímpar
Aquele que por ventura estiver ao Meu lado...
Mas.. por outroO lado consigo ter uma certeza maior de que a Solidão me Faz bem, é uma companhia agradável a mim, me faz refletir melhor, não tomar decisões preciptadas,ou se quer tomar...
Afinal, amaR ou Não amaR, eis a Questão!

Sinto que meu Coração está Sedento de amOor...

- E que eLe Venha..

Au Revoir

terça-feira, 1 de setembro de 2009

- AH! Setembro'



Que bom que Agosto acabou, foi um mês bem difíciL pra mim, algumas decisões importantes e essencias daqui pra Frente tiveram sim que serem tomadas. O que muda de um jeito Bem radical tudo o que me cerca e tudo q há de vir.
Foi difícil..
Diria Quase impossível, e eu cheguei a pensar que fosse.Tô sendo forte, e me surpreendo, acho que posso ser bem mais , ainda não cheguei ao limite, ao fim da ladeira.
Espero muito mais de Setembro do que em anos anteriores ou em meses anteriores, preciso que seja pra MIM por MIM...
Preciso de um SETEMBRO, com saboR, e nem precisa ser sabOr de amOOr.. Mas que seja de esperanças..

Au Revoir

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

TarsoO CadoRee'

Gente Boa Pra Dedeu;.
AdoroO..
E o fiindii é NossoO!
Rá!


Tarso Cadore
Tarso Cadore
Tarso Cadore
Tarso Cadore
Rá rá rá !
Au Revoir'

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

-Galeera Reunida no Pagode'


Fiim de Semana Tudo de Bom..
Dakeles em que vocÊ só se recupera na Quin-feira pra poder postar no Blog.. RsRs'=]
- Pagodiinho q a muito Não IamoOs
Só com a Galera e Gente buniiita...
Na Maior aniimação, sem hora pra Voltar pra ksa,
Sem rumo qdo tudo acabar...
E muiita, muiita descontraçãoO E Alegriiia
aiin foii Boom demaiis.. e a Galeraa Maraa..
Quero váriios , Váriios Fiindis Assim'



Au Revoir

terça-feira, 25 de agosto de 2009

- Feliz Aniversário Mamãe'


Pra pessoa mais especial desse mundo,
Que se preocupa com todos os passos ,
Todas as horas e segundos do dia...
Sempre pedindo proteção a todos os seus..
A Mãe maiis M A R A V I L H O S A do mundo
todo e sempre.. a que eu mais amOo, a quem eu tento
todos os dias ser uma pessoa melhor pra que ELA possa se orgulhar,
Pra ela por ela.. meu amoR. todo amOr sempre..
F E L I Z A N I V E R S Á R I O.
Te amo MuitoO
Você é Meu Alicerce..
Au Revoir

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Tá Pronto Falei'=]

Quero um Findii assiim
Com pessoas especias perto de mim..
Nada combinado
Mas tudo arrumado
e Bem apresentadoO..
Com a Feliciidade comigo, do Meu Lado.
E nem Posso Reclamar...
- E que continue.E que seja tudo como deve ser...
TáProntoFaleii. Pra vocÊ

Au Revoir

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

- Rodo CotidianoO'


- A Louça Suja Na Pia
- Os Fios de Cabelo no Ralo do Banheiro
- A bolsa (ouro) Sempre Emprestada...
- A hora de Sair Rumo ao Meu Armáriio'
- Sempre uma Roupa a Maiis Pra se Doar'
- A briga pra saber Quem Vai fazer O Jantar'
- A roupa suja no CestoO'
- E o DVD a tocar...
São Coisa do Meu cotidianoO, que por mais que eu queira Muito
Não Consigo Deixar de amar, apenas pelo simples fato de voces sempre estar Nele... Obrigada
Au Revoir

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

- Fofa!


- Ganhei esse Selinho a alguns Meses já.. Da minha queriida Liiinda amada Irmã Carla do Sempre que Penso, mas só hoje Lembrei de responder e Retribuiir.. Você é que é uma Fofa Mademousielle.. Je T'aime.


OBS.: Le-se um 'depende' antes de todas as respostas

Mania_ Tenho algumas... Mas.. é.. Mania de Arrumação , Pode ser? =]
Pecado Capital_ Bem é difícil pq em cada situação se tem um pouco de alguma, mas axo que a Preguiça, ela muitas vezes “me mata”.
Melhor Cheiro Do Mundo_ O de todas as comidas, qdo você está com fome.
Se Dinheiro Não Fosse Problema Eu_ Eu já teria conhecido o Mundo inteiro, no mínimo moraria na Europa... aiai
Casos de Infância_ Corridas de Bicicleta, Patins’
Habilidades Como Dona de Casa_ Pra Botar Ordem e deixar tudo no Lugar .. é Comigo Mesma
O que não gosta de fazer em casa_ Limpar a Geladeira.. argh!
Desabilidades Como Dona de Casa_ Cozinha? Fogão? Hãm? O que é isso?=[Frase_ Au Revoir!
Passeio Pra Alma_ Praizinha deserta, só ouvindo Ronco do Mar..
Passeio Pro Corpo_ Uma Massagemzinha é tudo de Bão, né!
O que Me Irrita_ Que Mexam/fucem minhas coisas, e sem permissão ainda Mais. aff
Frase ou Palavra que Falo Muito_ Não Tenho Estrutura Pra Isso Não
Palavrão Mais Usado_ Dependendo da Raiva sai um PQP!
Desce Do Salto E Sobe no Morro Quando_ O negócio é com a Minha Filha...
Perfume que usa no momento_ Nossa!! Alguns.. é Humor, Limiar, Frescor de Maracujá,Café e Inamorata ProntofALEII.
Elogio Favorito_ Tipo: Essa Menina Vai Longe, Mas Não com essas Palavras Sabe...
Talento Oculto_ Axo que Vai Continuar Oculto.. ahsuahushuahuash;X
Não Importa o que Seja Moda, Não Uso nem No Meu Enterro_ São Tantas Coisas..Seria melhor se desse pra mostrar em fotus hehehehe, Mas Batom (GRAPE)

Queria ter Nascido Sabendo_Tudo o que Hoje eu Sei.. O que não é Muiito ahsuhuashusahua’

Eu Sou Extremamente_ Indecisa, Prestaviiva, Penso Demais nas Pessoas... entre oUTRAs
- Seliinho Vai Para as Fofas


Au Revoir

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

- Baladiinha'


- Tava Tão Necessitada de Uma..
E com Meus amOres.. ( Mana e Prii)
Ameii demaiiss..
Váriias Outras Já..'
BeiiijO'
Au Revoir'

sexta-feira, 14 de agosto de 2009



Nesta vida, o plantio é facultativo, a colheita é obrigatória.
"Não levarei pra minha velhice nenhuma frustração da minha juventude" .
Espero não me tornar um velho ridículo, cada idade tem seu tempo, e suas limitações, na vida tudo se aprende, e como é legal saber.

Já dizia um grande amigo, e suas sabedorias... Passar pela vida é:

Nascer rico, viver ignorante e morrer de repente

Au Revoir

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Eu, Modo de Usar:




Pode invadir ou chegar com delicadeza, mas não tão devagar que me faça dormir. Não grite comigo, tenho o péssimo hábito de revidar. Acordo pela manhã com ótimo humor mas ... permita que eu escove os dentes primeiro. Toque muito em mim, principalmente nos cabelos e minta sobre minha nocauteante beleza. Tenho vida própria, me faça sentir saudades, conte algumas coisas que me façam rir, mas não conte piadas e nem seja preconceituoso, não perca tempo, cultivando este tipo de herança de seus pais. Viaje antes de me conhecer, sofra antes de mim para reconhecer-me um porto, um albergue da juventude. Eu saio em conta, você não gastará muito comigo. Acredite nas verdades que digo e também nas mentiras, elas serão raras e sempre por uma boa causa. Respeite meu choro, me deixe sozinha, só volte quando eu chamar e, não me obedeça sempre que eu também gosto de ser contrariada. ( Então fique comigo quando eu chorar, combinado?). Seja mais forte que eu e menos altruísta! Não se vista tão bem... gosto de camisa para fora da calça, gosto de braços, gosto de pernas e muito de boca. Reverenciarei tudo em você que estiver a meu gosto: boca, cabelos, os pés e um joelho esfolado, você tem que se esfolar as vezes, mesmo na sua idade. Leia, escolha seus próprios livros, releia-os. Odeie a vida doméstica e os agitos noturnos.(Não Tão Radicalmentee) Seja um pouco caseiro e um pouco da vida. Não seja escravo da televisão, nem seja contra. Nem escravo meu, nem filho meu, nem meu pai. Escolha um papel para você que ainda não tenha sido preenchido e o invente muitas vezes.Me enlouqueça uma vez por mês mas, me faça uma louca boa, uma louca que ache graça em tudo que rime com louca: loba, boba, rouca, boca ... Goste de música e de sexo. goste de um esporte não muito banal. Não invente de querer muitos filhos, me carregar pra a missa, apresentar sua familia... isso a gente vê depois ... se calhar ... Deixa eu dirigir o seu carro, que você adora. Quero ver você nervoso, inquieto,tenha amigos e digam muitas bobagens juntos. Não me conte seus segredos ... me faça massagem nas costas. Não fume(ou talvez sim), beba, chore, eleja algumas contravenções. Me rapte! Se nada disso funcionar ... experimente me amar!
Au Revoir

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Dúvidas Frequentes'


Porque o banho é um ritual rotineiro e sexo Não?
Porque sexo tem que vir com garantia de amor, reciprocidade, atestado de saúde, carteira de identidade?
Sexo deveria ser como uma chuveirada.Gargalhada.Sexo com amor deveria ser como voar de primeira classe, um privilégio de poucos,mas sem esquecer que a classe turística também merece chegar ao paraíso.
Sexo econômico , sem luxo, sem champagne, sem lençois de linho.
Porque "custa" mais caro?



Au Revoir

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

- a Maiior do Nordeste'


- E ninguém cαlα esse Nosso αMor, E é Por isso Que Eu CαntOo αssiim Vαmos SubiiR VoVô'
Au Revoiir'

sexta-feira, 7 de agosto de 2009


Vivo Cercada de Pessoas, Mas Nunca Somos Nós Mesmos na Presença de Testemunhas'
Au Revoir'

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Sonhos de Um Palhaço'


Vejam só
Que história boba
Eu tenho pra contar Quem é que vai querer
Me acreditar Eu sou palhaço sem querer...
Vejam só Que coisa incrível O meu coração
Todo pintado e nesta solidão Espero a hora de sonhar...
Ah, o mundo sempre foi
Um circo sem igual Onde todos representam Bem ou mal
Onde a farsa de um palhaço É natural...
Ah, no palco da ilusão Pintei meu coração
Entreguei, entreguei amor E sonhos sem saber
Que o palhaço Pinta o rosto pra viver...
Vejam só e há quem diga Que o palhaço é
No grande circo apenas o ladrão Do coração de uma mulher...

Au Revoir'

quarta-feira, 5 de agosto de 2009


O amor que eu dei não foi o mesmo que eu vi acabar
O amor só mudou de cor, agora já ta desbotado
Corra lá vem à tristeza atirando pra todos os lados...

terça-feira, 4 de agosto de 2009

-E eu Posso ComeçaR com Elaa...


- Que é IN(M)par
INconfundíveeL
A quem eu Nutro um amOr
ImeNso e INcondicional..
Meu Melhor e Meu Pior...
Sempre..

Feliz Aniversaário
(Que Era pra ser Postado no Dia 9 de Julho [Rs!!])





(...)Não Falo Como você Fala
Mas Vejo Bem o que Você Me diz'...
Renato Russo'

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Tô De Volta Gentee'


Basta olhar no fundo dos meus olhos
Pra ver que já não sou como era antes
Tudo que eu preciso é de uma chance
De alguns instantes
E amanhã, tudinho dos Aniversariiantes..
De Julho é Claro[Rs!]
É bão ta de Volta
BeiijOO'
Au Revoir'

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Ótica ParticulaR'






O mais "recente" livro de Carlos Moraes, o ótimo "Agora Deus vai te pegar lá fora", há um trecho em que uma mulher ouve a seguinte pergunta de um major: "Por que você não é feliz como todo mundo?" A que ela responde mais ou menos assim: "Como o senhor ousa dizer que não sou feliz? O que o senhor sabe do que eu digo para o meu marido depois do amor? E do que eu sinto quando ouço Vivaldi? E do que eu rio com meu filho? E por que mundos viajo quando leio Murilo Mendes? A sua felicidade, que eu respeito, não é a minha, major."

E assim é. Temos a pretensão de decretar quem é feliz ou infeliz de acordo com nossa ótica particular, como se felicidade fosse algo que pudesse ser visualizado. Somos apresentados a alguém com olheiras profundas e imediatamente passamos a lamentar suas prováveis noites insones causadas por problemas tortuosos. Ou alguém faz uma queixa infantil da esposa e rapidamente decretamos que é um fracassado no amor, que seu casamento deve ser um inferno, pobre sujeito. É nestas horas que junto a ponta dos cinco dedos da mão e sacudo-a no ar, feito uma italiana indignada: mas que sabemos nós da vida dos outros, catzo?

Nossos momentos felizes se dão, quase todos, na intimidade, quando ninguém está nos vendo. 0 barulho da chave da porta, de madrugada, trazendo um adolescente de volta pra casa. O cálice de vinho oferecido por uma amiga com quem acabamos de fazer as pazes. Sentar-se no cinema, sozinho, para assistir ao filme tão esperado. Depois de anos com o coração em marcha lenta, rever um ex-amor e descobrir que ainda é capaz de sentir palpitações. Os acordos secretos que temos com filhos, netos, amigos. A emoção provocada por uma frase de um livro. A felicidade de uma cura. E a infelicidade aceita como parte do jogo — ninguém é tão feliz quanto aquele que lida bem com suas precariedades.

O que sei eu sobre aquele que parece radiante e aquela outra que parece à beira do suicídio? Eles podem parecer o que for e eu seguirei sem saber de nada, sem saber de onde eles extraem prazer e dor, como administram seus azedumes e seus êxtases, e muito menos por quanto anda a cotação de felicidade em suas vidas. Costumamos julgar roupas, comportamento, caráter — juizes indefectíveis que somos da vida alheia — mas é um atrevimento nos outorgar o direito de reconhecer, apenas pelas aparências, quem sofre e quem está em paz.

A sua felicidade não é a minha, e a minha não é a de ninguém. Não se sabe nunca o que emociona intimamente uma pessoa, a que ela recorre para conquistar serenidade, em quais pensamentos se ampara quando quer descansar do mundo, o quanto de energia coloca no que faz, e no que ela é capaz de desfazer para manter-se sã. Toda felicidade é construída por emoções secretas. Podem até comentar sobre nós, mas nos capturar, só com a nossa permissão.

Martha Medeiros
Revista O GLOBO, 16/01/2005




Au Revoir'

terça-feira, 30 de junho de 2009

Leitura'


Será que o CIÚME faz parte do amor?
E por que aquele que sofre como ciúme se submete, calado,
a um parceiro,muitas vezes irracional?Antes de articular uma resposta, você
precisa conhecer Laura e Alexandre.

Laura é uma mulher romântica, míope,extrovertida, com pernas bem-feitas, unhas sempre roídas e um desejo imperioso de arranjar un namorado que preste.
Alexandre é bonito, tímido, e sobretudo, ciumento.Quando namora, assume uma estranha obsessão pelo passado da amante, organizando minuciosos inquéritos madrugada adentro a fim de saber tudo - tudo mesmo! - sobre os outros homens que, porventura, ela tenha tido antes dele.
Quando esse dois se envolvem, a combinação é explosiva.A costurar tão insólito relacionamento muito, mas muito ciúme, uma dose extra de submissão e insegurança, um apelido ridículo e o mais ardente chulé que uma narina humana já foi capaz de suportar.
Divirtam-se, você vai Rir um Bocado'
Au Revoir'